Archive for the ‘Workshop’ Category

Festejar é preciso – Workshop Ju Françozo em Brasília

October 30th, 2012

Ela é alta, tem presença, fala com propriedade, seus movimentos são precisos.. ela sabe o que quer, tem muito bom gosto e muito talento. A Ju Françozo é um doce, de uma simplicidade, educação e carinho que encantam. Ela chega com sorriso no rosto e te dá um abraço, aqueles de verdade, sabe? E suas […]

 

Ela é alta, tem presença, fala com propriedade, seus movimentos são precisos.. ela sabe o que quer, tem muito bom gosto e muito talento. A Ju Françozo é um doce, de uma simplicidade, educação e carinho que encantam. Ela chega com sorriso no rosto e te dá um abraço, aqueles de verdade, sabe? E suas produções? Como ela mesma diz… são lyendas! Encantadoras! O reconhecimento não veio por acaso, a Ju é pioneira, cria, executa, corre, trabalha muito e o resultado é de encher nossos olhos.

Estes dois dias de workshop foram incríveis. Astral ótimo, equipe nota 1000. Foi delicioso trabalhar ao lado delas.
Selecionei algumas fotos só pra vcs terem uma ideia de como foram estes dias. Se quiserem ver mais as fotos, acessem este link.

Quitandoca Fotografia_-16

Quitandoca Fotografia-30

Quitandoca Fotografia-35

Quitandoca Fotografia-42

Quitandoca Fotografia-21

Quitandoca Fotografia-47

Quitandoca Fotografia_-21

Quitandoca Fotografia-12

Quitandoca Fotografia_-32

Encantamento…
Quitandoca Fotografia-27

Podia fotografar.. cada detalhe, um flash.
Quitandoca Fotografia-78

Quitandoca Fotografia_-59

Equipe maravilhosa!
Quitandoca Fotografia-75

Meninas que participaram, não esqueçam de pegar suas fotos na galeria (clique aqui).
Amei estes dois dias de WS. Pena que passou voando!

Beijos, Glau

breaker

“Só quem toma o sonho como sua forma de viver, pode desvendar os segredos de ser feliz”

August 18th, 2011

Quem me acompanha no blog Quitandoca já conhece a história que contarei hoje, mas neste post vou falar mais um pouquinho como transformei a minha relação com a fotografia. Estava num momento da minha vida que a pergunta eu mais me fazia todos os dias e muitas vezes ao dia era: “E agora, José?“.  Pra […]

 

Quem me acompanha no blog Quitandoca já conhece a história que contarei hoje, mas neste post vou falar mais um pouquinho como transformei a minha relação com a fotografia.

Estava num momento da minha vida que a pergunta eu mais me fazia todos os dias e muitas vezes ao dia era: “E agora, José?“.  Pra onde irei? Como irei? Quais caminhos seguir? Eu simplesmente não sabia responder, mas fui caminhando. Até que um dia eu vi um tal de Workshop do Olhar com o Vinícius Matos. Estava lá que o objetivo do workshop era: Como contar histórias? Como se aproximar do fotografado? Como melhorar a composição e como melhorar a percepção?

Palavrinhas super importantes pra mim… contar histórias, fotografado, composição e percepção. Não entendi direito como iria viver tudo aquilo, mas eu fui. De peito aberto, como costumo fazer! No dia marcado, coloquei algumas roupas na mala, separei meu equipamento, peguei um avião de Brasília para Belo Horizonte e do aeroporto peguei um ônibus pra Ouro Preto. Lá seria o workshop. Cidade tão querida e importante pra mim.

Os participantes foram chegando e meu coração foi batendo mais forte. Estavam ali pessoas de cidades diferentes, com histórias diferentes, mas todos estavam ali pra aprender, pra ouvir aquilo que lá no fundinho já sabíamos: a relação que cada um tinha com a fotografia. Mas precisávamos passar por toda aquela experiência e ouvir feedbacks de uma pessoa que depositamos toda nossa confiança – o Vinícius.

Foram 4 dias intensos. Senti frio na barriga, senti medo de não corresponder às minhas expectativas, fiquei ansiosa, praticamente não dormi, comi pouco apesar da comida ser maravilhosa, mas eu me entreguei de corpo e alma. Me diverti demais, ri demais, amei demais, aprendi demais, fiz amigos pro resto da vida, me entreguei e vivi intensamente aqueles dias! Como todos que estavam ali! Sem máscaras, sem receio de mostrar os pontos fracos e poder passar por cima deles!

Apresento aqui um pouco do resultado do meu trabalho nestes 4 dias. Eu tive o prazer de acompanhar e contar a história do Tunico dos Telhados. Agradeço ao Tunico por ter aberto sua vida, seu coração pra mim. Por ter me contado sua história, sua relação com Ouro Preto e com telhados de lá. Por ter voltado a pintar (fazia uns 6 meses que ele não pintava) e por ter me dado a oportunidade de me tornar uma pessoa melhor.

Neste vídeo você vai entender o título deste post e ver minha apresentação do trabalho final.

Workshop do Olhar – Ouro Preto – por Glaucia Macedo from Quitandoca on Vimeo.

O resultado de tudo isto? Minha relação com a fotografia mudou. Eu mudei. E foi então que de fato encarei de frente o que eu quero pra minha vida. Eu quero contar histórias, eu quero me entregar, melhorar a cada dia, viver e poder registrar o momento mágico da vida das pessoas. Sem medo algum de ser feliz!

Queridos companheiros de curso, muita saudades de vocês! Beijos, Glau